FLORESTA

CASTANHEIRO COLUTAD HÍBRIDO . Porta-enxerto com resistência à doença da tinta

Castanheiro colutad híbrido → Porta-enxerto (C. sativa x C. crenata), com resistência à doença da tinta.

Este castanheiro enquanto porta-enxerto, apresenta afinidade com as principais variedades cultivadas (Longal, Judia, Bouche de Betizac e outras).

Maturação precoce, frutos de boa qualidade sápida com dimensão aceitável.

É um castanheiro capaz de vegetar em condições diversificadas de solo, no entanto recomendam-se os solos de boa qualidade, preferencialmente em sistema de regadio. Devido ao seu abrolhamento temporão, deve-se evitar a sua plantação em locais atreitos a frios tardios.

Plantação recomendada a 8 x 6, comportando mais plantas por hectare que o castanheiro tradicional e até mesmo o Ca90. Tem apresentado até ao presente uma grande tolerância à vespa da galha do castanheiro.

Mais informação